Internacional Política

Venezuela: Juan Guaidó perde cargo de presidente da Assembleia Nacional

Juan Guaidó tenta invadir prédio da Assembleia Nacional (Foto: Reprodução)

O autoproclamado presidente da Venezuela foi substituído da posição de presidente da Assembleia Nacional neste domingo 5. Deputado opositor Luis Eduardo Parra foi eleito para o cargo. Guaidó tentou invadir o prédio da Assembleia (vídeos)

 Sputnik – O autoproclamado presidente da Venezuela, Juan Guaidó, não é mais o presidente da Assembleia Nacional.

O cargo agora será ocupado pelo deputado Luis Parra. Membros da ala chavista “Bloque de la Patria”, e alguns setores da oposição, romperam com Guaidó e votaram em Parra para presidente da Assembleia Nacional, Franklin Duarte como primeiro vice-presidente e José Gregorio Noriega como segundo vice-presidente.

O agora ex-presidente da Assembleia tentou invadir o prédio do parlamento enquanto a votação acontecia, mas não teve sucesso (vídeos abaixo). O governo brasileiro, em nome do chanceler Ernesto Araújo, já informou que não reconhecerá o resultado da eleição que tirou Guaidó do cargo.

Guaidó se autoproclamou presidente interino da Venezuela em 23 de janeiro e procura destituir do cargo o presidente Nicolás Maduro.

NTN24 Venezuela

@NTN24ve

Momento en el que @jguaido intentó ingresar al parlamento venezolano mientras estaba siendo juramentado Luis Parra como nuevo presidente de la Asamblea Nacional (AN). https://bit.ly/2SWgcFy  Video: @GregJaimes

Vídeo incorporado

1.151 pessoas estão falando sobre isso

Descifrando la Guerra@descifraguerra

🇻🇪ÚLTIMA HORA🇻🇪

El diputado Luis Parra, de Primero Justicia, se proclama Presidente de la Asamblea Nacional con el apoyo de diputados chavistas sin el quorum necesario. Los afines a Juan Guaidó denuncian que no pudieron acceder a la sesión.

Vídeo incorporado

Descifrando la Guerra@descifraguerra

🇻🇪 Diversos vídeos muestran a Juan Guaidó y diputados de la Unidad Democrática tratando de acceder al Palacio Federal Legislativo, impidiéndoselo un cordón de la Policía Nacional Bolivariana.

Vídeo incorporado

35 pessoas estão falando sobre isso

Comentários 23