Internacional Política

Venezuela: Juan Guaidó perde cargo de presidente da Assembleia Nacional

Juan Guaidó tenta invadir prédio da Assembleia Nacional (Foto: Reprodução)
 
 

O autoproclamado presidente da Venezuela foi substituído da posição de presidente da Assembleia Nacional neste domingo 5. Deputado opositor Luis Eduardo Parra foi eleito para o cargo. Guaidó tentou invadir o prédio da Assembleia (vídeos)

 Sputnik – O autoproclamado presidente da Venezuela, Juan Guaidó, não é mais o presidente da Assembleia Nacional.

O cargo agora será ocupado pelo deputado Luis Parra. Membros da ala chavista “Bloque de la Patria”, e alguns setores da oposição, romperam com Guaidó e votaram em Parra para presidente da Assembleia Nacional, Franklin Duarte como primeiro vice-presidente e José Gregorio Noriega como segundo vice-presidente.

O agora ex-presidente da Assembleia tentou invadir o prédio do parlamento enquanto a votação acontecia, mas não teve sucesso (vídeos abaixo). O governo brasileiro, em nome do chanceler Ernesto Araújo, já informou que não reconhecerá o resultado da eleição que tirou Guaidó do cargo.

Guaidó se autoproclamou presidente interino da Venezuela em 23 de janeiro e procura destituir do cargo o presidente Nicolás Maduro.

NTN24 Venezuela

@NTN24ve

Momento en el que @jguaido intentó ingresar al parlamento venezolano mientras estaba siendo juramentado Luis Parra como nuevo presidente de la Asamblea Nacional (AN). https://bit.ly/2SWgcFy  Video: @GregJaimes

Vídeo incorporado

1.151 pessoas estão falando sobre isso

Descifrando la Guerra@descifraguerra

🇻🇪ÚLTIMA HORA🇻🇪

El diputado Luis Parra, de Primero Justicia, se proclama Presidente de la Asamblea Nacional con el apoyo de diputados chavistas sin el quorum necesario. Los afines a Juan Guaidó denuncian que no pudieron acceder a la sesión.

Vídeo incorporado

Descifrando la Guerra@descifraguerra

🇻🇪 Diversos vídeos muestran a Juan Guaidó y diputados de la Unidad Democrática tratando de acceder al Palacio Federal Legislativo, impidiéndoselo un cordón de la Policía Nacional Bolivariana.

Vídeo incorporado

35 pessoas estão falando sobre isso

Comentários 23

PUBLICIDADE