GDF

Às vésperas do Dia do Servidor, 122 são nomeados para reforçar área social

Foto: Renato Alves/Agência Brasília

Aprovados em concurso público, funcionários vão atuar nas secretarias de Desenvolvimento Social, de Justiça e Cidadania e da Mulher

 

IAN FERRAZ, DA AGÊNCIA BRASÍLIA I EDIÇÃO: CAROLINA JARDON

Às vésperas do Dia do Servidor, comemorado em 28 de outubro, 122 profissionais foram nomeados pelo Governo do Distrito Federal (GDF) para atuar na área social. Aprovados em concursos públicos, os profissionais vão atuar nas secretarias de Desenvolvimento Social (Sedes), de Justiça e Cidadania (Sejus) e da Mulher.

Foram nomeados 121 técnicos em assistência social, sendo 119 na especialidade agente social, um em contabilidade e um em economia. A outra nomeação foi de especialista em assistência social para o cargo de educador social.

Segundo dados do Cadastro Único (CadÚnico), 95 mil famílias vivem em situação de extrema pobreza no DF e quase cinco mil pessoas estão em situação de rua. Os dados reforçam a necessidade de mais servidores na área social que atuam na linha de frente do cuidado com a população.

Foram nomeados 121 técnicos em assistência social, sendo 119 na especialidade agente social; um em contabilidade; e um em economia. A outra nomeação foi de especialista em assistência social para o cargo de educador social | Foto: Renato Alves/Agência Brasília

Durante a cerimônia, no Palácio do Buriti, o governador Ibaneis Rocha disse que o Distrito Federal hoje caminha bem graças à atuação “firme e comprometida” dos servidores públicos.

“Adoro obras, acho que a gente precisa dessa vitalidade”, declarou, ao parabenizar o funcionalismo público pelos serviços prestados. “Já são 1.400 obras realizadas no DF, mas nada disso serviria se a gente não tivesse o olhar para o social. Nós temos o Prato Cheio, criamos o Cartão Creche e o Cartão Gás para 70 mil famílias. Nada disso teria sido possível se não fossem os servidores.”

O agente social Ricardo Fogaça, de 37 anos, comemora ter sido chamado pelo governo. “Fui agraciado com essa nomeação na véspera do Dia do Servidor, o que fará muita diferença na minha vida e da minha família. Amanhã, eu vou poder dizer que é o meu dia, que sou servidor no Dia do Servidor. É um presentão”, afirma.

Assistência social

Os servidores da Sedes nomeados nesta quarta (27) vão executar políticas de assistência social, segurança alimentar e nutricional. Eles vão atuar nas unidades do Centro de Referência Especializado em Assistência Social (Creas) e nos centros de convivência (Cecons), além das unidades de acolhimento e gestão.

Titular da Sedes, Mayara Noronha Rocha reforçou a necessidade de prestar assistência social à população, com ou sem pandemia, e lembrou que o Distrito Federal passou quase dez anos sem abrir espaços de acolhimento à população. Em seguida, desejou boa sorte aos novos servidores. “Parabenizo os novos servidores, vocês estão chegando para servir a população do Distrito Federal e lutar contra a desigualdade social”, disse.

 

A secretária de Justiça e Cidadania, *Marcela Passamani, afirmou que os novos servidores vão cuidar e transformar o Distrito Federal. “Cada vez que a gente chama servidores, a gente mostra mais o compromisso com todas as pessoas”, declarou. Já a titular da secretaria da Mulher, Ericka Filippelli, destacou que a luta por um DF melhor é de todos e que os servidores têm um papel fundamental nesse sentido. “O que queremos é fazer políticas públicas e ver as coisas acontecerem, e isso só acontece com a ajuda dos servidores”, arrematou.