Política Saúde

Bolsonaro já toma cloroquina após ter sintomas de coronavírus

Jair Bolsonaro (Foto: REUTERS/Adriano Machado | Reprodução)

Embora o remédio não seja recomendado pela OMS nem pela comunidade médica, Jair Bolsonaro estaria se medicando com ele – o que alimenta a suspeita, na internet, de que seu contágio seja uma fake news para fazer propaganda do medicamento

247 – Após a informação de que está com suspeita de coronavírus, Jair Bolsonaro passou a se medicar com a cloroquina, um remédio que não é considerado eficaz nem pela Organização Mundial de Saúde, nem pela comunidade médico científica no combate à Covid-19. “Mesmo sem saber o diagnóstico, o presidente já começou a tomar hidroxicloroquina com azitromicina. Não há comprovação científica da eficácia do uso destes medicamentos. O resultado do exame deve ficar pronto nesta terça-feira”, aponta reportagem de Gustavo Maia e Naira Trindade, publicada no jornal O Globo.

“Eu vim do hospital agora, que eu fiz uma chapa de pulmão, tá limpo o pulmão, tá certo? Vou fazer um exame de Covid agora a pouco, mas tá tudo bem”, disse ainda Bolsonaro a um grupo de apoiadores na noite de ontem.

O uso da cloroquina e o histórico de Bolsonaro na propagação de notícias falsas criaram desconfianças, nas redes sociais, em relação a seu estado de saúde. Confira:

 

Participe da campanha de assinaturas solidárias do B

PUBLICIDADE

Posts