Cidadania LGBTQIA +

Dia Internacional do Orgulho LGBTQIA+: ‘Combate à LGBTfobia depende de mudanças estruturais’, diz diretor de ONG

(Foto: © Nacho Doce/Reuters)

Nesta segunda-feira (28), mundo celebra data criada para conscientizar sobre importância do combate ao preconceito. Estudo feito pela organização All Out e pelo Instituto Matizes aponta 34 obstáculos para reconhecimento da criminalização da homofobia; questões culturais estão entre problemas

Nesta segunda-feira (28), o mundo celebra o Dia Internacional do Orgulho LGBTQIA + (Gays, Lésbicas, Bissexuais, Transexuais e Pessoas Intersexo). A data tem como um dos objetivos conscientizar a população sobre a importância do combate à homofobia. A reportagem é do portal G1.

Mas um estudo aponta que o reconhecimento da criminalização da homofobia ainda está longe de ser realidade. O levantamento, feito pela ONG All Out e pelo Instituto Matizes, aponta 34 obstáculos que ainda dificultam a tipificação dos crimes de preconceito por orientação sexual.

Entre os problemas apontados pelo estudo, estão questões culturais, como um ambiente machista nas forças de segurança.O diretor da ONG All Out, Leandro Ramos, disse que a luta contra o preconceito exige mudanças profundas na sociedade. No entanto, aponta que há medidas a serem tomadas pelos governos para melhorar a situação.