Cidade GDF Saúde

Ibaneis inclui 25 categorias na próxima fase da vacinação. Veja quais

Foto: Gustavo Moreno

Secretaria de Saúde finaliza a lista com o número de profissionais de cada área para apresentar ao governador do DF

Caio Barbieri

Após uma determinação do governador Ibaneis Rocha (MDB), ao menos 25 categorias profissionais foram incluídas na lista de prioridades de vacinação da Secretaria de Saúde do Distrito Federal. A decisão do chefe do Executivo local beneficia diretamente as pessoas que, por força da atividade, ficam expostas diariamente à infecção pela Covid-19.

Logo após ter anunciado a imunização de todos que trabalham na área de saúde – incluindo aqueles que não estão na linha de frente –, o titular do Palácio do Buriti decidiu convocar também integrantes das forças de segurança, rodoviários (cobradores e motoristas, por exemplo), além de fiscais do Instituto de Defesa do Consumidor (Procon) e auditores da Secretaria DF Legal, esses últimos responsáveis controle das medidas restritivas adotadas pelo GDF.

A decisão do emedebista foi comunicada durante coletiva de imprensa realizada na tarde de terça-feira (23/3), no Palácio do Buriti, pelo secretário chefe da Casa Civil, Gustavo Rocha. O titular da pasta frisou que a inclusão foi possível após um pequeno percentual das remessas de doses dos imunizantes pelo Ministério da Saúde ser destinado para essas novas categorias, desde que a data fosse previamente agendada pelo site da Secretaria de Saúde.

“Friso a questão do agendamento, porque é importante destacar para que esses profissionais não busquem diretamente a vacina nas unidades de saúde”, reforçou Rocha.

Agendamento

Para atender os novos beneficiados, o secretário de Saúde, Osnei Okumoto (também presente na conversa com jornalistas), adiantou que o sistema de agendamento estará liberado a partir de quinta-feira (25/3), a princípio para os profissionais de saúde. Ele explicou que deve receber uma listagem completa das entidades representativas desses profissionais para auxiliar a pasta no cadastro dos trabalhadores autorizados.

“Quando a pessoa fornecer o CPF, se ele já tiver tomado a vacina, será detectado e ele não poderá realizar o agendamento”, explicou. Segundo ele, a medida foi possível após a sinalização da esfera federal de encaminhar remessas da Oxford-AstaZeneca e também da Coronavac, atualmente conhecida como Covishield.

“O Ministério da Saúde garantiu vacinas da Oxford e Coronavac para amanhã [quarta-feira]. Pelo que a gente tem de conhecimento, devem chegar de manhã ou no período da noite, que são os horários que estamos recebendo cargas de vacina no DF”, salientou Okumoto.

O Metrópoles listou o cronograma das categorias já anunciadas pelo governo local para receber a vacina nos próximos dias. O primeiro calendário será exclusivo para profissionais que não atuam na linha de frente da Covid e, a partir da próxima semana, outras categorias que estão nos serviços essenciais. Vale frisar que, a depender da Secretaria de Saúde, outros segmentos podem ser incluídos. Confira:

A partir de sexta-feira (26/3), mediante agendamento:

  • Médicos;
  • Enfermeiros;
  • Nutricionistas
  • Fisioterapeutas;
  • Terapeutas ocupacionais;
  • Biomédicos;
  • Farmacêuticos;
  • Odontólogos;
  • Fonoaudiólogos;
  • Psicólogos;
  • Assistentes sociais;
  • Médicos veterinários
  • Técnicos veterinários;
  • Trabalhadores de consultórios
  • Trabalhadores de clínicas
  • Trabalhadores de laboratórios;
  • Profissionais de farmácias;
  • Agentes funerários;
  • Servidores do Instituto Médico Legal (IML)

A partir da próxima semana, a depender das remessas da União:

  • PCDF;
  • PMDF;
  • Corpo de Bombeiros (CBMDF);
  • Detran;
  • Procon-DF;
  • DF Legal;