Economia

Índice de miséria no Brasil bate recorde no governo Bolsonaro

(Foto: Tomaz Silva/Ag.Brasil)

O índice de miséria no Brasil durante o governo Bolsonaro atingiu 23,47 pontos, o maior valor desde o início da série histórica, em março de 2012

247 – Sob o governo Bolsonaro, o índice de miséria no Brasil bate recorde. A situação social é agravada pela alta da inflação, o aumento do desemprego e do custo de vida e a queda da renda.

O índice, calculado pela LCA Consultores a partir de dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), leva em consideração a taxa de desemprego registrada pela Pnad (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios) e o INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor), indicador que capta as variações de preços para a população de baixa renda, que recebe entre um e cinco salários mínimos.

Pelas projeções da LCA, o índice de miséria deve continuar subindo até atingir 24,27% em agosto.

De acordo com o Pnad, o desemprego é de 14,6%, ao passo que a subutilização da mão de obra é de 29,3%, enquanto que a inflação disparou, atingindo a marca de 9% nos últimos 12 meses, informa o UOL.