Cidade Educação GDF

Novos alunos da Rede Pública do DF já podem verificar onde irão estudar em 2020

Novos alunos já podem verificar onde irão estudar em 2020 — Foto: SEEDF/Divulgação

Resultado é para estudantes da educação infantil, ensino fundamental e médio e educação de jovens e adultos. Matrícula será efetivada entre 7 e 14 de janeiro, na própria escola.

Por G1 DF

 

 

Os novos alunos da rede pública do Distrito Federal já podem saber o local onde irão estudar em 2020. A lista foi publicada no fim da tarde desta quinta-feira (19) e está disponível no site da Secretaria de educação.

Confira aqui a escola onde você deverá estudar em 2020
O resultado, segundo a pasta, vale para todos os novos alunos que se inscreveram para educação infantil, ensino fundamental e médio e para as turmas de educação de jovens e adultos. A secretaria alerta que, nesta etapa, o resultado é disponibilizado apenas on-line.

“Só será necessário ir à escola entre os dias 7 e 14 de janeiro para efetivar a matrícula”, alerta a Secretaria de Educação.

A pasta explica que cerca de mil novos estudantes precisarão ir às coordenações regionais de ensino para validação de dados. Nesses casos, houve algum erro no momento da inscrição.

A mensagem que aparecerá quando eles forem fazer a consulta é: “procure a regional de ensino”.

Entre os dias 9 e 14 de janeiro, esses alunos terão de ir até a regional para a qual se inscreveram para entregar os documentos validados e verificar em que escola vão estudar. Para esses estudantes, a efetivação da matrícula será feita posteriormente, afirma a pasta.

A secretaria informou ainda que os estudantes que solicitaram remanejamento, devem verificar o resultado na escola foi feito o pedido. As aulas na rede pública do DF começam no dia 10 de fevereiro de 2020.

Estudantes de escola pública do Distrito Federal, em imagem de arquivo — Foto: Mary Leal/Secretaria de Educação

 

 

Efetivação da matrícula

 

Após a divulgação do resultado, os alunos precisam efetivar a matrícula na escola onde vão estudar. O prazo para a efetivação é de 7 até 14 de janeiro de 2020.

É necessário levar:

Certidão de nascimento (original e cópia)
Duas fotos 3X4
Comprovante de residência
Comprovante de tipagem sanguínea e fator RH
Para a matrícula na educação infantil, é preciso levar também o RG e o CPF do pai ou responsável, além da cópia do Cartão de Vacinação atualizado.

A secretaria reforça que é somente a partir da efetivação da matrícula que a vaga é garantida.

Caso não seja realizada a efetivação, o estudante perderá a vaga. O risco é ter que estudar em uma escola mais longe do CEP informado, pois esses alunos terão que recorrer às vagas remanescentes – aquelas que sobram, após a efetivação da matrícula.

 

Vagas Remanescentes

As vagas remanescentes são abertas somente após a efetivação das matrículas dos estudantes já inscritos. Nessa etapa, cuja data ainda será divulgada, apenas as vagas não preenchidas são disponibilizadas.

O GDF explica que elas serão destinadas a alunos que não se inscreveram no período correto e poderão ter “uma segunda chance”.

 

 Números

A Secretaria de Educação recebeu 39 mil pedidos de matrícula para novos estudantes:

37,5 mil inscrições para educação infantil, ensino fundamental e médio
1,5 mil para educação de jovens e adultos

“Todos terão vaga garantida”, afirma a pasta.

 

PUBLICIDADE