Cidade CLDF Economia Emprego GDF Trabalho

Orçamento do DF prevê 37 mil vagas de concursos em 2020

HUGO BARRETO/METRÓPOLES

Número inclui 12 mil já autorizadas e outras 25 mil aprovadas em emendas na CLDF. Esse último número ainda depende da sanção do governador

No que depender da Lei Orçamentária Anual (LOA) aprovada para 2020 pela Câmara Legislativa (CLDF), o ano que vem será recheado de concursos públicos para as mais diversas áreas. São quase 12 mil vagas já autorizadas e outras 25 mil previstas, totalizando 37 mil.

Tanto o Executivo quanto o Legislativo local se programam para reduzir o déficit de servidores e há autorização de preenchimento de ‭11.864‬ vagas em aberto dentro dos dois Poderes distritais.

Apenas no Executivo, a previsão é que 11.463 postos de trabalho sejam preenchidos em áreas consideradas essenciais, como educação, saúde e segurança pública.

O número foi aprovado pelos deputados distritais e não depende mais de sanção do governador Ibaneis Rocha (MDB), já que o prazo foi expirado e virou lei automaticamente.

Contudo, na última sessão da CLDF de 2019, oito emendas apresentadas à lei orçamentária ampliaram a previsão de contratações nas estruturas do GDF.

De acordo com as matérias referendadas pelo plenário, outras ‭25.518‬ vagas poderão ser abertas caso o titular do Palácio do Buriti sancione a matéria sem vetos. Atualmente, Brasília tem 139.619 concursados em órgãos públicos locais.

Apesar de a notícia ser boa para os concurseiros, o caráter da lei aprovada pela Câmara Legislativa é meramente autorizativo. Cabe ao chefe do Poder Executivo autorizar novas seleções públicas de acordo com a realidade orçamentária.

Recentemente, por exemplo, o GDF liberou a realização de certame para recompor o quadro de escrivão da Polícia Civil do DF (PCDF). São 300 vagas, com salários de R$ 8.698,78.

R$ 31 milhões

De acordo com a Secretaria de Economia, já para o próximo ano, há previsão de liberar quase R$ 31 milhões para a nomeação de concursados.

“Nessa primeira fase, não tem como mensurar o que esse valor representa em número de vagas. Há previsões para vários concursos, com cargos e remunerações diferentes”, explicou.

Para se ter ideia, apenas na Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) e no Corpo de Bombeiros (CBDF) faltam aproximadamente 12 mil servidores.

Uma emenda de autoria do deputado distrital Hermeto (MDB) foi aprovada pela CLDF e prevê concurso para a PM com 11 mil vagas. A liberação, contudo, também depende da sanção do governador do DF.

De acordo com a LOA aprovada para 2020, há previsão de‭ 3.060‬ vagas dentro da Secretaria de Educação. São postos para professores, orientadores, pedagogos e docentes da Língua Brasileira de Sinais (Libras).

Há também autorização para convocar enfermeiros, médicos e outros profissionais da saúde. Somente para a pasta, estão previstas ‭4.673‬ vagas.

Ainda há estimativa para contratação de novos procuradores e auditores de controle interno, além de seleções para empresas públicas, como a Companhia de Urbanização da Nova Capital (Novacap) e Companhia de Saneamento Ambiental do Distrito Federal (Caesb)

No total, a previsão é que o impacto nos cofres públicos chegue a R$ 787.642.168 apenas em 2020 em relação as 12 mil vagas já autorizadas. Com o passar dos anos, o valor será corrigido e pode alcançar o patamar de R$ 1.088.142.756 em 2022.

Confira as 12 mil vagas já autorizada na tabela abaixo ou neste link.

07 Anexo IV Acréscimo Em Pessoal LDO 2020 by Metropoles on Scribd

 

PUBLICIDADE