Cultura

Orquestra Petrobras Sinfônica homenageia 250 anos de Beethoven neste fim de semana

Foto: Artur Medina | Arquivo Pessoal

Festival que leva o nome do compositor começa nesta sexta (23) e vai até domingo (25). Apresentações serão transmitidas gratuitamente pela internet.

Por G1

Em homenagem aos 250 anos de nascimento de um dos maiores compositores da história da música, a Orquestra Petrobras Sinfônica realiza, neste fim de semana, o Festival Beethoven. O evento começa nesta sexta-feira e vai até domingo (25).

O festival será transmitido ao vivo pela internet, de graça. Durante os três dias de evento, serão apresentados dois concertos por dia, às 15h e às 20h, com regências de Felipe Prazeres, Thiago Santos, Mateus Araújo e Tobias Volkmann.

No repertório, obras compostas por Ludwig van Beethoven. O músico, nascido na Alemanha em 1770, mantém sua influência na música clássica até os dias de hoje.

Para Felipe Prazeres, primeiro-violino da Orquestra Petrobras, “cada sinfonia de Beethoven é um mundo a se descobrir”. Ele afirma que, apesar dos fatores limitantes causados pela pandemia do novo coronavírus, “é emocionante e significativo estar realizando o festival neste ano tão estranho”.

Protocolos contra a Covid-19

Segundo os organizadores, a Orquestra Petrobras Sinfônica implementou diversos protocolos de segurança recomendados pela Fundação Oswaldo Cruz exclusivamente para o evento. Entre as medidas adotadas estão:

  • Distanciamento de dois metros entre os músicos no palco;
  • Confecção e utilização de chapas de acrílicos para músicos de sopro;
  • Estantes e partituras individualizadas;
  • Testagem RT-PCR de todos os membros para a Covid-19;
  • Troca de máscaras constantes;
  • Monitoramento prévio e constante da saúde dos participantes;
  • Higienização de pessoas, superfícies, instrumentos e objetos, entre outros.

Orquestra Petrobras Sinfônica

Criada há 48 anos, a Orquestra Petrobras Sinfônica é uma das mais conceituadas do país. Ela foi idealizada pelo maestro Armando Prazeres e conta com uma formação de mais de 60 instrumentistas. Atualmente, tem Isaac Karabtchevsky como diretor artístico e regente titular.

A orquestra é administrada pela Associação Orquestra Pró Música do Rio de Janeiro. É a única orquestra do país gerida por seus próprios músicos.

About the author

Joao Victor

Add Comment

Click here to post a comment

PUBLICIDADE