Internacional Política

Trump se escondeu em bunker na Casa Branca cercada pela rebelião popular

(Foto: Reuters)
 
 

O Serviço Secreto, encarregado da segurança do presidente dos EUA, protegeu Donald Trump no bunker subterrâneo da Casa Branca na última sexta-feira (29)

A rebelião popular em curso nos Estados Unidos encurralou Donald Trump, que foi obrigado a se esconder em um bunker subterrâneo da Casa Branca enquanto manifestantes protestavam do lado de fora contra o assassinato de George Floyd pela polícia racista.

O New York Times indicou que o presidente foi levado ao bunker na noite de sexta-feira, enquanto manifestantes lutavam com agentes do Serviço Secreto para remover as barreiras de metal instaladas em frente à residência presidencial, informa o Estadão.

Nenhuma mídia esclareceu se a primeira-dama, Melania Trump, e seu filho Barron também foram levados para o bunker. O presidente criticou a prefeita democrata de Washington, DC Muriel Bowser em um tuíte no domingo de manhã após o protesto, acusando-a de não permitir que a polícia de DC ajudasse agentes do Serviço Secreto.

PUBLICIDADE