Blog do Ataíde

Notícias de interesse social

Papa diz que Dilma é uma mulher “de mãos limpas” e que Lula foi condenado sem provas

 

O Papa Francisco disse que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) foi condenado pela Justiça sem provas. Em entrevista à TV argentina C5N, o pontífice ainda afirmou que a ex-presidente Dilma Rousseff (PT) foi alvo de um impeachment injusto pois tem “mãos limpas”.

A declaração foi feita em entrevista exibida na quinta-feira (30) para o canal argentino. Ela foi gravada antes da internação de Francisco em um hospital em Roma, na última quarta-feira (29), para tratar falta de ar provocada por bronquite.

“O lawfare abre caminho nos meios de comunicação. Deve-se impedir que determinada pessoa chegue a um cargo. Então, o pessoal os desqualifica e metem ali a suspeita de um crime. Então, faz-se todo um sumário, um sumário enorme, onde não se encontra [a prova do delito], mas para condenar basta o tamanho desse sumário. ‘Onde está o crime aqui?’ ‘Mas, sim, parece que sim…’ Assim condenaram Lula”, afirmou Francisco.

Em seguida, o líder católico pergunta sobre o que aconteceu com Dilma Rousseff. E ele mesmo responde, após o jornalista dizer que a ex-presidente foi destituída por “um ato administrativo menor”. “Não puderam [comprovar] Uma mulher de mãos limpas, uma excelente mulher”, declarou.

Por fim, quando o jornalista encerrou o assunto dizendo que “inocentes são condenados”, Francisco ressaltou que “no Brasil, isso aconteceu nos dois casos”, referindo-se a Lula e a Dilma.

Veja o vídeo:

,

About Author